Plano de Saúde

Revisão: 01/2013
QUEM PODE UTILIZAR?
Associados da AFCC com contrato de trabalho na Castrolanda por tempo indeterminado ou prazo determinado acima de 06 meses.
• Por livre e espontânea vontade (opção).
• Adesão a partir do 1º dia trabalho.
• Convênio realizado com a UNIMED, cobertura Nacional.
• Plano co-participativo 50%; com Teto no valor de R$ 60,00 por procedimento mais 20% de subsidio para Exames.
• Custo Zero em Cirurgias e lntemamentos.

QUEM EU POSSO COLOCAR NO PLANO?
I. O(a) cônjuge;
11. O(a) companheiro(a), havendo união estável na forma da lei;
111. Os(as) filhos(as) solteiros(as) ate 21 anos ou até 24 anos se estiverem cursando universidade (curso de graduação);
IV. O(s) enteado(s), o menor sob guarda por força de decisão judicial e o menor tutelado, que ficam equiparados aos filhos; e
V. O(s) filho(s) ou filha(s) solteiro(s) e inválidos, com comprovação de dependência através da Declaração de Imposto de Renda Pessoa Ffsica ou Declaração do INSS (ou enquanto dependente economicamente do beneficiário(a) titular).

CARÊNCIAS
Carência Zero para adesão ao plano de saúde nos 30 primeiros dias de Castrolanda.
Após os 30 primeiros dias, haverá carência para utilização conforme abaixo:
• 30 dias para consulta;
• 6 meses para exames complexos e cirurgias;
• 300 dias cara Obstetrícia.

MENSALIDADE
Custo 4% do salário mensal, limitado ao teto de R$147,20 e dependentes 0,5% do salário mensal do titular. Limitado ao teto de R$ 18,40.
Caso o Colaborador não possua dependentes no plano de saúde o teto máximo será de R$ 73,60.

FLEXIBILIDADE DE ESCOLHA DO PLANO
• Enfermaria com Obstetrícia - custo adicional R$ 30,59; por vida**
• Apartamento -custo adicional R$ 25,92; por vida -
• Apartamento com Obstetrícia - custo adicional R$ 78, 78; por vida **
**Os valores adicionais, por usuário com custo mensal.
O Plano pode ser alterado sempre obedecendo ao tempo de carência de entrada e permanência em cada modalidade.
A carência de permanência após a alteração de modalidade é de no mínimo 12 meses.

CIRURGIA OCULAR
Cirurgia ocular é realizado pelo plano de saúde para os casos de doenças acima de cinco graus sobe autorização médica.
Para aqueles que optarem por fazer particular, não precisa estar na regra dos cinco graus, para estes casos há subsidio de 50% com teto máximo de R$1.000,00 (um mil reais).
Revisão: 01/2013

Convênio com a OdontoPrev, cobertura Nacional.
Para Aderir ao plano precisa estar no incluso no plano de saúde.
Não é possível aderir somente ao plano odontológico.

Sem carência para adesões até 30 dias da data de asmissão;
Sem custos de utilização ou cooparticipações;
Escolha de um único plano pra família toda.
• Plano Integral - R$ 1,99 por pessoa
• Plano Master - R$ 29,00 por pessoa

Sem carência para adesões até 30 dias da data de admissão na Castrolanda.
Passando este prazo adesões a cada aniversário do plano, mês de Julho de cada ano.

Integral:
Consulta; Prevenção- Limpeza;
Dentística - restaurações;
Odontopediatria;
Radiologias - Radiografias;
Periodontia - gengiva;
Cirurgias - pequeno porte;
Endodontia - canal;

Implantes e tratamentos estéticos não estão inclusos no plano.
Para Implantes é preciso juntar a documentação para ser levado ao comitê de plano de saúde para aprovação.

Subsídio de Farmácia
Revisão: 01/2013
Convênio GOOD MED
Limite de R$ 900,00
Subsidio de 50% para medicamentos com receita

Carência de 90 dias a partir da adesão;
Para o subsidio de 50% é necessário que a receita e o cartão estejam em nome da mesma pessoa;
Os cartões serão emitidos automaticamente a partir da adesão ao plano de saúde;
Gastos com farmácia não serão parcelados;
Compra somente de medicamentos.

Revisão: 01/2013
• Convênio com óticas nas cidades que atuamos;
• Subsídio de 50% mediante Receita e Orçamento;
• Teto de R$ 750,00 para lentes, e R$ 250,00 para armaçao;
• Sistema de Reembolso com os mesmos subsidias;
• Carência de 90 dias a partir da data de entrada no plano de saúde.
• Compra com óticas conveniadas, podem ser parcelado em até 12 vezes, na folha de pagamento.
• Para ter acesso a este beneficio é necessário estar incluso no plano de saúde.
- Armação óculos com grau - uma por ano;
- Lentes com grau I inclusive de contato - até duas por ano.

Para compras na rede conveniada abaixo, é preciso retirar uma autorizaçao na Gestão de Pessoas.
Estas compras podem ser parceladas em até 12x na folha de pagamento.

Rede Conveniada

Ótica H Basílio, Ótica Diniz, Ótica Boa Vista, Ótica Prisma, Ótica Basílio, Ótica Henning, Ótica Bohaienko.

Não há subsidio ou parcelamento para óculos de sol.

Para casos de parcelamentos, pode ser quitados com antecedência solicitando o valor junto ao Gestão de Pessoas.

Revisão: --/----
PORQUE FAZER PARTE DO PLANO DE SAÚDE?
O Plano de Saúde foi criado para atender a demanda dos Colaboradores da Castrolanda, associados da AFCC, que necessitam de auxílio saúde. O objetivo do PLANO DE SAÚDE é a constituição de um plano seguro, com baixos custos e cobertura ampla, que não visa lucro e incentiva ainda a prática de esportes que contribuam para a QUALIDADE DE VIDA dos colaboradores da Cooperativa. Com a adesão ao Plano de Saúde, podem-se realizar procedimentos médicos e odontológicos, adquirir medicamentos, óculos e lentes de contato, além da concessão de subsídios na prática de esportes – Programa de Incentivo a Saúde; pagando apenas parte do valor do procedimento e em alguns casos de forma parcelada com juros bem inferiores aos praticados pelo mercado.

POSSO SER SÓCIO DO PLANO DE SAÚDE?
Sim, mas é preciso ser colaborador da Cooperativa Castrolanda, contratado por prazo indeterminado (efetivo) ou prazo determinado acima de 06 (seis) meses. Solicitar a inclusão, em qualquer tempo, por meio do preenchimento de formulário de inclusão, disponível na área de Gestão de Pessoas.

QUAL A CARÊNCIA PARA OBTER OS BENEFÍCIOS?
Após a admissão no quadro de sócios do Plano de Saúde, o prazo de carência é aplicado somente para concessão de subsídios, que é de 3 (três) meses, contado a partir da primeira mensalidade descontada em folha. Este prazo de carência refere-se ao recebimento de subsídios e reembolsos, ou seja, o colaborador e seus dependentes poderão ser atendidos normalmente nos estabelecimentos conveniados, pagando o valor integral dos procedimentos. Quanto à utilização do convênio UNIMED, não há prazo de carência. A partir da adesão o colaborador já poderá contar com os benefícios.

QUANTO PAGAREI PARA SER SÓCIO DO PLANO DE SAÚDE?
Será efetuado o desconto mensal em folha de pagamento conforme abaixo:
a) Titulares: 4% (quatro por cento) sobre o salário base mensal, limitado ao teto de 5 (cinco) salários piso da Castrolanda para base de cálculo. (5 x R$ 736,00 x 4% = R$ 147,20).
b) Dependentes: 0,5% (meio por cento) sobre o salário base mensal do titular, limitado ao teto de 5 (cinco) salários piso da Castrolanda para base de cálculo. (5 x R$ 736,00 x 0,5% = R$ 18,40).
c) Titular que não possua dependentes: 4% (quatro por cento) sobre o salário base mensal, limitado ao teto de 2,5 (dois e meio) salários piso da Castrolanda para base de cálculo. (2,5 x R$ 736,00 x 4% = R$ 73,60).

COMO PAGAREI PELOS PROCEDIMENTOS REALIZADOS?
Nos estabelecimentos conveniados o valor corresponde entre o total dos procedimentos e o subsídio oferecido pelo plano, será descontado em folha de pagamento.

PODEREI FINANCIAR OS PROCEDIMENTOS REALIZADOS?
Algumas despesas poderão ser financiadas de 1 até 12 parcelas, acrescidas de juros, conforme percentual em vigência, mas somente aquelas previstas na tabela de subsídios.

COMO OBTER INFORMAÇÕES SOBRE MEU SALDO DE EMPRÉSTIMO?
Entrando em contato com a área de Gestão de Pessoas, em qualquer tempo, as informações quanto aos empréstimos em aberto serão informados. Mensalmente será enviado para cada sócio titular, um extrato informativo do valor dos procedimentos realizados no período, os quais foram descontados em folha de pagamento. Esta comunicação será feita pela área de Gestão de Pessoas.

COMO DEVO SOLICITAR O FINANCIAMENTO?
Para que estas despesas sejam efetivamente parceladas, deverá o associado formalizar o pedido junto a área de Gestão de Pessoas. Caso não ocorra a solicitação o valor será cobrado em parcela única. O número de parcelas e a forma de financiamento deverá ser definida pelo titular do Plano Saúde, e aprovada pela área de Gestão de Pessoas, além de assinada pelo funcionário titular do plano.

QUAL A TAXA DE JUROS PRATICADA ATUALMENTE?
Atualmente a taxa é de 0,65% ao mês, sendo calculados de acordo com o sistema PRICE, e acrescentados às parcelas mensais.

POSSO FINANCIAR UM PROCEDIMENTO ANTES DE QUITAR O ANTERIOR?
Sim, desde que avaliado e autorizado pela área de Gestão de Pessoas, ou ainda pelo Comitê do Plano de Saúde.

POSSO QUITAR ANTECIPADAMENTE UM FINANCIAMENTO?
Sim. Em caso de quitação antecipada, o valor do saldo devedor é calculado de forma a descontar os juros que seriam cobrados no futuro.

QUANDO SERÁ DESCONTADA A 1ª PARCELA DO FINANCIAMENTO?
Será descontada na folha de pagamento do mês em que foi realizado o procedimento. Ex.: Um procedimento realizado em 9 de janeiro terá sua 1ª parcela descontada na folha de pagamento referente ao mês de janeiro (que é recebido em 1º de fevereiro).

QUAL O PROCEDIMENTO AO SAIR DO QUADRO DE SÓCIOS?
A demissão de associado do PLANO DE SAÚDE pode ser solicitada em qualquer tempo, junto a área de Gestão de Pessoas. A partir da solicitação da demissão, o colaborador deixa de contribuir com a mensalidade. Caso existam procedimentos/valores ou parcelas de empréstimo em aberto, as mesmas deverão ser quitadas.

EM CASO DE DESLIGAMENTO, COMO LIQUIDAR O FINANCIAMENTO?
Caso o funcionário venha a se desligar da empresa o seu saldo devedor e financiamentos serão descontados na ocasião de sua rescisão.

POSSO RETORNAR AO PLANO DE SAÚDE, APÓS MINHA EXCLUSÃO?
Sim, basta solicitar a reinclusão junto à área de Gestão de Pessoas e cumprir a carência necessária para obter os benefícios.

QUAL O PROCEDIMENTO PARA AQUISIÇÃO DE MEDICAMENTOS?
1) Procure uma das farmácias credenciadas que tenha a bandeira Good Med;
2) Faça seu pedido apresentando a receita médica e, na hora de pagar, apresente o cartão e um documento de identidade;
3) A compra será autorizada e registrada somente após o sistema verificar a validade do cartão e a existência de interação medicamentosa de risco;
4) Confira o cupom fiscal, valor e conteúdo, apresente o RG e assine o documento.

QUAIS AS VANTAGENS DO CARTÃO GOOD MED?
1) Acesso imediato ao medicamento;
2) Medicamentos 24 horas por dia, 7 dias por semana;
3) Compra por tele-entrega;
4) Ampla rede de farmácias na região e em vários Estados do Brasil;
5) Bloqueio do cartão em caso de extravio ou roubo pelo tel. (51)3598-8748;
6) Extratos e informações via internet no site www.goodcard.com.br;
7) Verificação da interação medicamentosa de risco;
8) Segurança e confiabilidade no processo.

QUAL O PROCEDIMENTO PARA REEMBOLSO DE DESPESAS?
Os reembolsos previstos neste regulamento serão efetuados apenas 2 (duas) vezes por mês, obedecendo ao seguinte:
1) Encaminhar ao Setor de Benefícios na área de Gestão de Pessoas, as notas fiscais ou recibos juntamente com as receitas médicas em caso de medicamentos.
2) O Setor de Benefícios irá analisar se a documentação está completa e em conformidade com este regulamento;

QUEM ADMINISTRA AS OPERAÇÕES DO PLANO DE SAÚDE?
O Plano de Saúde será administrado pela área de Gestão de Pessoas, responsável pelos procedimentos e benefícios oferecidos pelo plano.

QUEM FISCALIZA AS OPERAÇÕES DO PLANO DE SAÚDE?
As movimentações ocorridas periodicamente são submetidas à avaliação da Diretoria da AFCC, bem como do Comitê do Plano de Saúde. As Assembléias Gerais também são oportunidades para participar, sugerir e opinar no andamento do Plano de Saúde.